background preloader

Relações Internacionais

Facebook Twitter

Home » Política Externa.

RI Inbox

Acordos de Livre Comércio. BRICS. International Organizations. Mercosul. United Nations. Um novo retrato da desigualdade global. Distância entre nações reduziu-se, mas elite de super-ricos isolou-se ainda mais.

Um novo retrato da desigualdade global

Tornou-se claro: injustiças não são “naturais”, mas cuidadosamente produzidas. O artigo é de Joseph Stiglitz, prêmio Nobel de Economia, em artigo publicado no blog The Great Divide, do New York Times e reproduzido pelo sítio Outras Palavras, 15-10-2013. Segundo Stiglitz, "estamos caminhando para um mundo dividido não apenas entre os que têm e os que não têm. Alguns países terão sucesso ao criar prosperidade compartilhada – a única que, a meu ver, é verdadeiramente sustentável. Outros, deixaram a desigualdade correr solta. Eis o artigo. Sabe-se perfeitamente hoje que as desigualdades de renda e riqueza na maior parte dos países ricos, e especialmente nos Estados Unidos, dispararam, nas últimas décadas e, de modo trágico, agravaram-se ainda mais desde a Grande Recessão. São questões complexas. Os Estados Unidos oferecem um exemplo particularmente sombrio para o mundo. Serj Tankian - Borders Are - Lyric Video. These 10 Corporations Control Almost Everything You Buy.

Os refúgios fiscais como ameaça à democracia. Por Luiz Carlos Azenha Deveria ser refúgio ou santuário fiscal, não “paraíso”, definição que surgiu da confusão entre haven e heaven.

Os refúgios fiscais como ameaça à democracia

Seja como for, os esconderijos de dinheiro sujo não são a exceção, mas a regra do capitalismo em que vivemos. Diz o excelente Treasure Islands, Tax Havens and the Men that Stole de World, de Nicholas Shaxson. Do autor eu já tinha lido Poisoned Wells: The Dirty Politics of African Oil, livro obrigatório para quem quer entender a África. Quais são os maiores refúgios fiscais do mundo?

Caimã? Não. Um único escritório em Wilmington, capital do estado de Delaware, é sede de 217 mil empresas. O Reino Unido exerce controle indireto sobre uma teia de refúgios fiscais que garantem às grandes corporações sonegação de impostos em todo o mundo. E os países pobres pagam o preço mais caro, com o encolhimento da base fiscal: “Hoje o 1% no topo dos países em desevolvimento controla de 70 a 90% de toda a riqueza financeira e imobiliária.

Where the world buys its weapons - Business Insider. The 147 Companies That Control Everything. The network of global corporate control. The Evolution of Foreign Aid Research: Measuring the Strengths and Weaknesses of Donors. In 2012, 149 countries around the world received more than $125 billion of Official Development Assistance (ODA).

The Evolution of Foreign Aid Research: Measuring the Strengths and Weaknesses of Donors

Keeping track of those disbursements is no small feat. Measuring the effectiveness of the aid requires even greater legwork. Fortunately, data on ODA—unlike data on aid from many philanthropic organizations around the world—is systematically collected and monitored by the OECD Development Assistance Committee (DAC). This allows researchers to not only measure aid effectiveness from DAC countries and agencies, but to also monitor improvement over time and develop best practices for improving impact. In total, 31 DAC member countries and agencies reported on their aid disbursements in 2012. The new report is the third edition of the Quality Official Development Assistance (QuODA) assessment. When it comes to improvements in the quality of foreign aid from 2008 to 2012, Kharas and Birdsall find that the results are mixed. Maximizing Efficiency: Few Improvements Have Been Made.

Por crise de refugiados, UE ameaça suspender Grécia da área de livre circulação da Europa. Medida isolaria país, com fechamento de fronteiras; para União Europeia, 60% das pessoas que chegam ao continente devem ser deportadas A Comissão Europeia, braço Executivo da UE (União Europeia), declarou nesta quarta-feira (27/01) que caso a Grécia não resolva as “deficiências” do controle de suas fronteiras para a entrada de refugiados, o país poderá ser suspenso do espaço Schengen, área onde é possível ir de um país a outro sem passaporte e que é composta por 26 Estados-membros da Europa.

Por crise de refugiados, UE ameaça suspender Grécia da área de livre circulação da Europa

Cerca de 850 mil refugiados chegaram à Grécia durante o ano passado A declaração foi feita após um encontro que discutiu um relatório sobre como Atenas está lidando internamente com a crise humanitária. “A Grécia negligenciou seriamente as suas obrigações [do Acordo de Schengen]. The Ukraine Situation. José Serra chega à Argentina para afinar aliança com Mauricio Macri - 22/05/2016 - Mundo. Editorial: Serra no Itamaraty - 23/05/2016 - Opinião.