background preloader

Saúde Mental

Facebook Twitter

Disforia. Dissociação (psicologia) Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Dissociação (psicologia)

Dissociação é um estado agudo de descompensação mental, no qual certos pensamentos, emoções, sensações e/ou memórias são ocultados, por serem muito chocantes para a mente consciente integrar. O psiquiatra francês Pierre Janet (1859-1947) definiu o fenômeno da dissociação no seu livro L'Automatisme psychologique. Segundo ele, o papel deste mecanismo é defensivo, surgindo em resposta a um trauma psicológico. Apesar de considerar a dissociação como um mecanismo de defesa inicialmente efetivo, protegendo o indivíduo psicologicamente do impacto de eventos traumáticos, uma tendência habitual de dissociação pode ser um indício de uma psicopatologia mais profunda. Nos últimos anos vem crescendo a atenção à dissociação como uma característica clínica, como auxiliar no diagnóstico de Desordem de Estresse Pós-traumático, e para pesquisa com Mapeamento Neural. Substâncias psicoativas podem, de vez em quando, induzir a um estado de dissociação temporátia. AFIRMAÇÕES / SUBCONSCIENTE FAÇA ISSO ANTES DE DORMIR TODOS OS DIAS.

Se você é preso a televisão, jornais que só passam noticias ruins, recomendo que comece a mudar esses hábitos.

AFIRMAÇÕES / SUBCONSCIENTE FAÇA ISSO ANTES DE DORMIR TODOS OS DIAS.

É importante se quiser reprogramar a sua mente, e afetar seu subconsciente com aquilo que você deseja. Sente-se na cama mesmo, ou em uma cadeira, você apenas precisa estar a vontade. Inspire profundamente e expire lentamente buscando o relaxamento do seu corpo. Quando você sentir seu corpo relaxado, mais leve, sem tensões, volte sua atenção para o seu desejo, algo que você queira manifestar: Carro, emprego, dinheiro, casa, saúde, cura, ser uma pessoa mais calma, ou alguma outra coisa que você tenha em mente.

Quando você visualiza seu objetivo sendo alcançado, realizado, você consegue também sentir uma emoção em relação a ele certo ? Agradeço por meu corpo saudável. Existe um incrível poder e inteligência no seu interior constantemente reagindo aos seus pensamentos e palavras. O seu subconsciente aceita tudo o que lhe é impresso ou aquilo em que você conscientemente acredita. Acabe com a irritabilidade, ansiedade e depressão - Melhor Com Saude. A irritabilidade, ansiedade e depressão são os problemas de saúde mental mais comuns em nossa sociedade.

Acabe com a irritabilidade, ansiedade e depressão - Melhor Com Saude

Muitas vezes são sentidos como um complexo conjunto de desafios emocionais e funcionais. Tipos de tratamento da depressão. A depressão é um dos problemas psicológicos mais comuns, que afecta quase todos, quer através de experiências pessoais ou através da depressão de um membro de família.

Tipos de tratamento da depressão

O custo do sofrimento humano não pode ser estimado. A depressão pode interferir com o funcionamento normal e, frequentemente causa problemas com o trabalho assim como no âmbito familiar e social. Causa dor e sofrimento não só a quem sofre de depressão, mas também aqueles que se preocupam com o paciente. A depressão grave pode destruir a vida familiar, bem como a vida pessoal da pessoa deprimida.Impacto da Depressão: • Causa muita dor emocional • Perturba a vida de milhões de pessoas • Afecta negativamente a vida das famílias e amigos • Reduz a produtividade no trabalho e causa absenteísmo • Tem um impacto negativo, significativo, sobre a economia, custa muito dinheiro aos sistemas de saúde A depressão pode afectar qualquer pessoa. . • Exercício. Tratamentos alternativos – para tratar a depressão• Técnicas de Relaxamento.

Adrenais - Só Biologia. Adrenais As glândulas adrenais ou supra-renais, localizadas uma sobre cada rim, são constituídas por dois tecidos secretores bastante distintos.

Adrenais - Só Biologia

Um deles forma a parte externa da glândula, o córtex, enquanto o outro forma a sua porção mais interna, a medula. A adrenalina também produz taquicardia (aumento do ritmo cardíaco), aumento da pressão arterial e maior excitabilidade do sistema nervoso. Essas alterações metabólicas permitem que o organismo de uma resposta rápida à situação de emergência.

A noradrenalina é liberada em doses mais ou menos constantes pela medula adrenal, independentemente da liberação de adrenalina. Córtex adrenal Os hormônios produzidos pelo córtex adrenal são esteróides, isto é, derivados do colesterol e conhecidos genericamente como corticosteróides. Glicocorticóides Os glicocorticóides atuam na produção de glicose a partir de proteínas e gorduras. Mineralocorticóides Os mineralocorticóides regulam o balanço de água e de sais no organismo. Neurastenia. Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Neurastenia

Neurastenia (neuro = cérebro, astenia= fraqueza), é um transtorno psicológico resultado do enfraquecimento do sistema nervoso central, culminando em astenia física e mental.[1] [2] É um termo antigo,[3] usado pela primeira vez por George Miller Beard em 1869 para designar um quadro de exaustão física e psicológica, fraqueza, nervosismo e sensibilidade aumentada (principalmente irritabilidade e humor depressivo).[4] Era um diagnóstico muito frequente no final do século XIX que desapareceu e foi revivido várias vezes durante o século XX sendo incluído no CID-10 pela OMS mas não pelo dicionário de saúde mental atual (DSM IV).

Sua prevalência está entre 3 e 11% da população mundial, sendo tão comum em homens quanto em mulheres.[5] Causas[editar | editar código-fonte] No mundo[editar | editar código-fonte] Sintomas[editar | editar código-fonte] A neurastenia pode ocorrer em todas as idades Outros sintomas importantes descritos por Beard são [10] :