background preloader

CNPq

CNPq
Related:  Estudo

CUT - Central Única dos Trabalhadores Início O bolsista de doutorado-sanduíche do programa Ciência sem Fronteiras (CsF), Guilherme Ortigara Longo, conseguiu o primeiro lugar com um trabalho apresentado no 43rd Benthic Ecology Meeting, na cidade de Jacksonville, Flórida, ocorrido em março de 2014. O brasileiro está no Georgia Institute of Technology, onde realiza estudos de ecologia química aquática, especialmente em recifes de coral. O bolsista de doutorado-sanduíche do programa Ciência sem Fronteiras (CsF), Guilherme Ortigara Longo, conseguiu o primeiro lugar com um trabalho apresentado no 43rd Benthic Ecology Meeting, na cidade de Jacksonville, Flórida, ocorrido em março de 2014. O brasileiro está no Georgia Institute of Technology, onde realiza estudos de ecologia química aquática, especialmente em recifes de coral. Guilherme é bolsista no Brasil da Universidade Federal de Santa Catarina e nos EUA do Georgia Institute of Technology. O professor que trabalha com Guilherme nos EUA, Mark Hay, é um dos pioneiros no assunto.

FAPERJ Iniciação em Filosofia – bons livros para começar | Opinião Central Você já se interessou em ler algum livro de filosofia? Mergulhar nas perguntas existenciais e nos pensamentos dos homens que moldaram para o bem e para o mal as ideologias humanas? Conseguiu passar das primeiras páginas enfrentando o jargão obscuro e as ideias fora do senso comum? Se você respondeu que sim e começou da mesma forma atrapalhada que eu, partiu direto para ler o texto puro dos autores clássicos. Obviamente, sem nenhuma base, preparação, noção de enquadramento histórico ou a menor suspeita de qual foi a base familiar, religiosa e social que cercou tais pensadores, o resultado provavelmente foi de desânimo com o resultado alcançado. Sem uma base anterior, é insuportável ler qualquer distinção kantiana entre mundo numênico e mundo fenomênico, aguentar os arroubos de racismo de Nietzsche, a misoginia de Schopenhauer ou mesmo admirar-se com o pragmatismo de Maquiavel. Ler os textos puros, sem intermediários é ótimo. O primeiro é procurar um bom guia nos passos iniciais. Relacionado

Programa de Iniciação Científica 2013 O primeiro passo para a sua carreira acadêmica. Voltada aos alunos de graduação, a Iniciação Científica do IESB incentiva o desenvolvimento do pensamento científico e a prática de pesquisas nas áreas de interesse, aguçando o cientista que há em cada um. Veja a Relação dos Projetos de Pesquisa Desenvolvidos pelo PIC 2013 Veja o Resultado dos Projetos de Pesquisa do PIC 2013 Desenvolver linhas de pesquisa de interesse da comunidade acadêmica. Proporcionar aos alunos e professores a oportunidade de desenvolver pesquisas com o apoio da instituição. Criar as bases científicas para a educação continuada em nível de pós-graduação.

Antispam.br :: Cartilha de Segurança para Internet Programa Nacional de Pós-doutorado da CAPES – PNPD/2011: Concessão Institucional O Programa Nacional de Pós-doutorado da CAPES – PNPD/2011: Concessão Institucional consiste em uma Chamada Nacional às Instituições Federais de Ensino Superior - IFES, para a apresentação à CAPES de propostas de projetos de pesquisa, formação e inovação, organizada na forma de um Projeto Institucional, tendo por objetivos: No Projeto Institucional do Programa Nacional de Pós-doutorado 2011 a IFES participante estabelece os princípios e metas relacionados à seleção e à atuação de pós-doutores no âmbito de seus Programas de Pós-graduação e de grupos de pesquisa considerando um período de abrangência de três anos, inicialmente. O Projeto Institucional é caracterizado pelo agrupamento de vários subprojetos confeccionados por docentes permanentes de Programas de Pós-graduação ou por líderes de grupos emergentes e/ou por Professores Visitantes Nacionais Seniores. Itens Financiáveis: Financiamento de itens de custeio, no valor de R$ 12.000,00 (doze mil reais) anuais por bolsista. Contato

Constelacoes Constelações são agrupamentos aparentes de estrelas os quais os astrônomos da antiguidade imaginaram formar figuras de pessoas, animais ou objetos. Numa noite escura, pode-se ver entre 1000 e 1500 estrelas, sendo que cada estrela pertence a alguma constelação. As constelações nos ajudam a separar o céu em porções menores, mas identificá-las é em geral muito difícil. Uma constelação fácil de enxergar é Órion, mostrada na figura acima como é vista no hemisfério sul. Para identificá-la devemos localizar 3 estrelas próximas entre si, de mesmo brilho, e alinhadas. Elas são chamadas Três Marias, e formam o cinturão da constelação de Órion, o caçador. As estrelas de uma constelação só estão aparentemente próximas na esfera celeste, pois na verdade estão a distâncias reais diferentes. Quando você olha em um atlas do céu, você encontra as constelações representadas em diagramas como o abaixo, em que as estrelas são desenhadas com tamanhos diferentes para representar brilhos diferentes.

CNPq regulamenta casos em que pesquisador pode acumular bolsas - notícias em Educação Os estudantes que recebem auxílio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) para desenvolver pesquisa científica e tecnológica poderão acumular bolsas em três casos específicos: se atuarem como coordenador de programa de pós-graduação, como professor do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB) ou no Plano Nacional de Formação de Professores (Parfor). A regulamentação foi publicada no Diário Oficial da União na terça-feira (23). Em nota, o CNPq afirmou que o regulamento não permite o acúmulo de bolsas de agências públicas quando relacionadas à mesma atividade. Porém, os três programas citados "têm como finalidade específica envolver docentes e pesquisadores em atividades distintas daquelas desenvolvidas no seu cotidiano habitual de pesquisa." O último reajuste nas bolsas do CNPq havia sido em maio de 2012. Antes disso, o valor havia ficado congelado desde 2008.

UnB - Universidade de Bras?lia NTP.br - Hora Certa via Internet - APQ3 Editoracao Finalidade Destina-se a apoiar a difusão e divulgação de estudos e pesquisas desenvolvidos no Estado do Rio de Janeiro, disponibilizados em formato de livros, coletâneas, publicações periódicas temáticas, obras de referência (como dicionários, manuais, catálogos, guias etc.), CDs (de áudio, de dados e híbridos), DVDs (de vídeos documentários, científicos ou educativos, de dados e híbridos), em qualquer tipo de suporte: impresso, eletrônico, entre outros. Também poderão ser analisadas solicitações para a edição de obras traduzidas e versões para outras línguas. Requisitos e condições · Somente será permitida uma concessão desta modalidade de auxílio a cada 2 (dois) anos, por pesquisador; · O material para o qual se solicita o auxílio editoração deverá ser inédito (exceto em caso de edição crítica ou reedição revista e aumentada de título já publicado e/ou esgotado), ter caráter científico ou cultural meritório e ser entregue em sua versão definitiva; Procedimentos para inscrição 1. 2. 3. 4.

A Esfera Celeste Observando o céu em uma noite estrelada, não podemos evitar a impressão de que estamos no meio de uma grande esfera incrustada de estrelas. Isso inspirou, nos antigos gregos, a idéia do céu como uma Esfera Celeste, já que não conseguiam determinar as distâncias às estrelas. Com o passar das horas, os astros se movem no céu, nascendo a leste e se pondo a oeste. Embora o Sol, a Lua, e a maioria dos astros, aqui na nossa latitude ( para Porto Alegre), tenham nascer e ocaso, existem astros que nunca nascem nem se põem, permanecendo sempre acima do horizonte. Os antigos gregos definiram alguns planos e pontos na esfera celeste, que são úteis para a determinação da posição dos astros no céu. Horizonte: plano tangente à Terra no lugar em que se encontra o observador. Zênite: ponto no qual a vertical do lugar (perpendicular ao horizonte) intercepta a esfera celeste, acima da cabeça do observador. Nadir: ponto diametralmente oposto ao Zênite. 1 h = 60m = 3600s 1 h = 15° 1 m = 15' 1 s = 15"

Related: