background preloader

Library of Congress Online Catalogs

Library of Congress Online Catalogs

https://catalog.loc.gov/

Related:  marcos_mCollection Development

Quais alimentos não devem ser guardados na geladeira? - Melhor Com Saude Em geral a maioria das pessoas tende a guardar muitos produtos do consumo familiar na geladeira, isto é um grande erro, posto que nem todos os produtos foram feitos para suportar o frio e as condições de uma geladeira, pelo contrário, em certas ocasiões o frio acelera a decomposição dos alimentos ou pode também mudar seu sabor original. É certo que muitos produtos requerem refrigeração e inclusive isto aumenta sua vida útil, mas como consumidores também temos que nos informar sobre aqueles alimentos que podem ser danificados na geladeira e podem perder suas propriedades, devido às baixas temperaturas. A seguir, veja uma lista com os alimentos que não devem ser guardados na geladeira por nenhum motivo.

Collection Maintenance and Weeding Selection & Reconsideration Policy Toolkit for Public, School, & Academic Libraries Regardless of the type of institution, collection maintenance and weeding are important components of a library’s collection management system and are often related to the goals and mission of the organization. Regardless of format, an optimal library collection is one that is reviewed on a consistent basis for accuracy, currency, usage, diversity, and subject area gaps. When evaluating print or another tangible medium, collection maintenance usually involves the continual care of the materials, including accurate and efficient shelving (and re-shelving), shelf-reading, shifting, and cleaning.

São Paulo, 1988: como eram as ruas e o trânsito da cidade (e do Brasil) 26 anos atrás Domingo, 16 de outubro de 1988, 10:45 da manhã. Um motorista morador de São Paulo liga sua câmera de vídeo e sai para um passeio pela cidade a bordo de um Ford Escort da época. Durante muito tempo esse tipo de vídeo era algo que acabava esquecido em uma prateleira empoeirada das nossas casas, raramente assistido em encontros de família no natal ou no ano novo. Mas então um dia alguém inventou o YouTube, e as pessoas começaram a compartilhar vídeos interessantes com todo o mundo. Braincast 136 - Economia do Compartilhamento Não é só uma mudança econômica. É uma mudança cultural. Hoje negociamos de maneiras que não imaginávamos há 5 anos atrás. A Economia do Compartilhamento é um modelo proporcionado pela tecnologia e seus sistemas de construção de reputação, recomendação e qualificação individual. Carlos Merigo, Luiz Yassuda e Alexandre Maron discutem sobre as mudanças no nosso senso de posse, no acesso ao conteúdo e o aumento da preferência por “alugar” do que comprar, dividindo o papo em dois momentos: o fim do suporte físico (livros, CD’s, DVD’s, Blu-ray, etc), e também das novas plataformas de produtos/serviços compartilhados.

Direito da posse de arma reduz criminalidade, afirma Harvard Os recentes acontecimentos em Ottawa, Canadá, comprovam, pela enésima vez, que controle de armas serve apenas para deixar uma população pacífica ainda mais vulnerável.O desarmamento não apenas deixa uma população menos livre, como também a deixa menos segura. E não existe liberdade individual se o indivíduo está proibido de se proteger contra eventuais ataques físicos. Liberdade e autodefesa são conceitos totalmente indivisíveis.

Revista Vida Simples - Inclusão Eficiente Na metade do curso de direito, Guilherme Braga já sabia que terminaria a faculdade, mas não advogaria. “Decidimos o que vamos fazer da vida cedo demais. Acabei me frustrando”, conta. Ele pensava que, através das leis e do conhecimento jurídico, poderia ajudar na criação de um mundo mais justo. Alfredo Jerusalinsky: "Gaúcho é o homem da fronteira que odeia fronteiras" Um dos fundadores da Associação Psicanalítica de Porto Alegre (Appoa), acostumado a percorrer o Rio Grande do Sul e o Brasil para conferências e palestras, o psicanalista argentino Alfredo Jerusalinsky tem um olhar aguçado sobre o Estado que o acolheu em 1977. Ele é um dos convidados por Appoa e UFRGS para debater a identidade rio-grandense no evento NósOutros Gaúchos (leia mais na página 3 do caderno PrOA). Ao discorrer sobre o tema, ele mede as palavras, hesita e sorri: “Esta é uma entrevista perigosa”.

Videoguru - O que é motion graphics? Existe, ao mesmo tempo, desinformação e uma certa confusão em torno do que vem a ser motion graphics. Mas o que realmente está por trás de toda essa discussão? Pessoalmente, entendo motion graphics como uma área de criação que permite combinar e manipular livremente no espaço-tempo, camadas de imagens bidimensionais de todo o tipo, temporalizadas ou não (vídeo, fotografias, grafismos – incluindo tipografia escrita – e animações), juntamente com musica, ruídos e efeitos sonoros. Sem querer posar de dono da verdade, em seguida, analiso algumas armadilhas que acompanham o significado do termo motion graphics. 1 – Motion graphics pode ser traduzido como videografismo? No Brasil, muitos traduzem motion graphics por vídeografismo, que considero impreciso e confuso.

Certificados de Depósito Interbancário - CDI CERTIFICADOS DE DEPÓSITO INTERBANCÁRIO - CDICETIP - Câmara de Custódia e Liquidação O que é o CDI?: As instituições financeiras disputam no mercado os recursos disponíveis para captação. Devido à volatilidade das taxas dos diferentes papéis em mercado, os recursos financeiros disponíveis estarão procurando as melhores aplicações, quer seja em CDB, LC ou LI. Scrum Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. O Scrum (pron. [skrʌm])[1] é um framework (caixa de ferramentas) de desenvolvimento iterativo e incremental utilizado o gerenciamento de projetos e desenvolvimento de software ágil. Scrum possui seu foco no gerenciamento de projeto da organização onde é dificil planejar à frente. Mecanismos do Controle de Processo Empírico, onde ciclos de feedback constituem o núcleo da técnica de gerenciamento que são usadas em oposição ao tradicional gerenciamento de comando e controle.[carece de fontes] É uma forma de planejar e gerenciar projetos trazendo a autoridade da tomada de decisão a níveis de propriedade de operação e certeza. [2]

Como a 99Jobs prospera mesmo com a difícil missão de mudar as relações de trabalho: mais amor, por favor Alexandre Pellaes, 40, é o sócio e "tio" da 99Jobs. O trabalho segue o mesmo ritmo das relações humanas: mesmo felizes, é impossível ter nele apenas bons momentos. A 99Jobs, startup que nasceu em meados de 2013 como uma plataforma online, acredita ter encontrado a solução para acabar com a frustração na carreira. A meta é conectar pessoas e empresas por seus ideais e não apenas pelas habilidades exigidas para o cargo. “Faça o que você ama” está lá, cravado no site. O sistema da empresa é semelhante ao usado por alguns sites de relacionamento e o objetivo é o mesmo: o “matching”. ″Brasileiro fazia vista grossa para corrupção quando economia ia bem″ A indignação com a corrupção que assola o sistema político brasileiro é seletiva e brota em momentos de declínio econômico. Essa é a opinião do professor argentino Rodrigo Salazar, coordenador do curso de governança e assuntos públicos na unidade mexicana da Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (FLACSO). Para ele, a maioria dos brasileiros foi extremamente tolerante com irregularidades durante períodos de crescimento econômico nos mandato de Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2010) e no início da gestão de Dilma Rousseff. Confira os principais trechos da entrevista concedida à DW Brasil, a terceira e última da série com especialistas em Brasil e América Latina de todo o mundo. O primeiro entrevistado foi o americano Peter Hakim. O segundo, o austríaco Bernhard Leubolt.

Estudo: Uma semana sem Facebook leva a uma vida mais feliz, menos irritada e menos solitária - Psiconlinews Não é difícil encontrar um estudo ou um advogado apoiando a noção de que o Facebook arruína vidas – e aqui está outro. O Happiness Research Institute, Instituto de Pesquisa de Felicidade, divulgou os resultados de um estudo que mostra como um grupo de participantes que parou de usar o Facebook por uma semana, se tornou mais feliz, menos preocupado, e menos solitário do que um outro grupo que permaneceu na rede social. O grupo sediado na Dinamarca publicou recentemente os resultados do seu estudo no relatório “O Experimento Facebook: A mídia social afeta a nossa qualidade de vida?”. O experimento teve 1.095 participantes, metade dos quais saíram do Facebook por uma semana (grupo de tratamento). “Depois de uma semana sem Facebook, o grupo de tratamento relatou um nível significativamente mais elevado de satisfação com a vida”, de acordo com o instituto.

en tapant "France genealogy" dans recherche, on a de jolies surprises by pixis Mar 30

Related:  Cataloguing ToolsDatabasesLibrary & Library Glossary