background preloader

Emotional

Facebook Twitter

Lettering & Calligraphy - Julia Bausenhardt. This is a beginner’s guide, so you don’t have to know anything about calligraphy – or the art of “beautiful writing”, as it translates from the Greek (κάλλος (kallos) = beauty and γραφή (graphe) = writing).

Lettering & Calligraphy - Julia Bausenhardt

Calligraphy is easy to learn, but like any craft, it needs practice. And actually, in this case practice is a lot of fun: it’s very enjoyable and calming to fill pages and pages with letters and curls and different words. I like to say practicing calligraphy feel like zen meditation to me – it certainly helps me to be more mindful of what I’m doing. So now, on to the practical part. Get the necessary supplies (paper, ink, nibs, guide sheet) You’ll need a few essential supplies to get started. Nibs The first thing you’ll need is a nib. You can read more about other suitable pointed nibs here. Nib holder Next you’ll need a straight nib holder – these are available in plastic or wood, and the basic models are usually fairly inexpensive.

Ink Paper. 720.000 cliques foram necessários para a "foto perfeita"Zupi. A procura pelo “clique perfeito” pode ser um processo longo e delicado.

720.000 cliques foram necessários para a "foto perfeita"Zupi

O fotógrafo Alan McFadyen levou seis anos e 720.000 fotografias para finalmente conseguir a tão aguardada imagem perfeita do mergulho de um martim-pescador. Ele costumava ir para um lugar perto de Kirkcudbright, Escócia, por aproximadamente 100 dias por ano, na esperança de congelar o momento em que um pássaro tocava com o pico no espelho de água. A demora é justificada: McFadyen estabeleceu parâmetros rigorosos para a fotografia, pois o pássaro deveria estar no ângulo ideal, perfeitamente alinhado e sem muita bagunça de água ao redor dele, e assim por diante.

“Para fazer essa foto do ‘mergulho perfeito’ eu precisava estar no lugar certo e fazer o clique no momento exato. E não dependia só de mim, ele também precisava acertar o mergulho”, disse para o The Herald Scotland. “Cheguei a fazer 600 fotos por dia e nenhuma ficar boa o suficiente. (Via e via) Max Rive. As 22 imagens mais impactantes já registradas. Algumas são muito emocionantes. Uma imagem vale mais que mil palavras, mas nem todas as imagens são iguais.

As 22 imagens mais impactantes já registradas. Algumas são muito emocionantes

Muitas fotos podem ser bonitas, engraçadas, ou encantadoras, mas essas fotos são impactantes. Elas são emocionantes e retratam alguns dos melhores e piores momentos da existência humana contemporânea. Algumas imagens não precisam de legendas. Câmara de gás de Auschwitz Cirurgião cardíaco após um transplante de coração de 23 horas de duração (com sucesso). Pai e filho (1949 e 2009) Diego Frazão Torquato, criança brasileira de 12 anos tocando violino no enterro de seu professor. Um soldado russo tocando um piano abandonado na Chechênia em 1994 Jovem descobre que seu irmão foi morto Cristãos protegem os muçulmanos durante uma oração em meio às revoltas de 2011 no Cairo, Egito Um bombeiro dá água a um coala durante os devastadores incêndios florestais em Victoria, Austrália, em 2009 Terri Gurrola se reencontra com sua filha depois de servir no Iraque por 7 meses Pai alcoólatra com seu filho Pôr do sol em Marte.

Baixe o stencil “Você praça acho graça. Você prédio acho tédio” ESPN.com - ESPN 25 - 94: Derek and dad finish Olympic 400 together. Unlike Carl Lewis and Daley Thompson, Derek Redmond is not a name that conjures up memories of Olympic gold medals.

ESPN.com - ESPN 25 - 94: Derek and dad finish Olympic 400 together

But it is Redmond who defines the essence of the human spirit. Redmond arrived at the 1992 Olympic Summer Games in Barcelona determined to win a medal in the 400. The color of the medal was meaningless; he just wanted to win one. Just one. He had been forced to withdraw from the 400 at the 1988 Games in Seoul, only 10 minutes before the race, because of an Achilles tendon injury. Derek's father Jim had accompanied him to Barcelona, just as he did for all world competitions. BILL WATTERSON: Conselho de um cartunista. Bill Watterson é o artista e criador da (na minha humilde opinião) melhor tira em quadrinhos de todos os tempos, Calvin e Haroldo (Hobbes!).

BILL WATTERSON: Conselho de um cartunista

Eu era muito novo para dar o devido valor quando ela foi publicada pela primeira vez, entre 1985 e 1995, mas comecei a devorar as coletâneas em livro logo depois. Acho que meu irmão tinha algumas coleções e eu devo ter lido dezenas de vezes. Fiquei fascinado e lembro de copiar muito os desenhos de Watterson quando era criança (o cabelo do Calvin era sempre o mais difícil). Para mim, Calvin e Haroldo (Hobbes!) É o ápice do cartunismo – aquela rara tira que tem texto primoroso MAIS arte deslumbrante. Fora Calvin e Haroldo (Hobbes!) * Depois de ser demitido do cargo de cartunista de política do Cincinatti Post, Watterson decidiu focar-se nas tiras. . * Watterson abriu mão de milhões (talvez centenas de milhões) de dólares por nunca ter licenciado nem vendido Calvin e Haroldo (Hobbes!). É incrível, se você parar para pensar.

Variedades

Viagem. Cinema. Pearltrees videos.